Delegação de Oliveira de São Mateus

Actualidades Notícias
Últimas notícias
Açores com serviço de Teleassistência
Sábado, 10 Junho 2017 06:20
 ta         

 

O Governo dos Açores e a Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) assinaram no passado dia 26 de maio um protocolo de cooperação para disponibilizar Teleassistência, fixa e móvel, nas 9 ilhas do arquipélago.

Estima-se que este serviço irá  beneficiar cerca de 300 idosos até ao final do ano.

 

O serviço permite ainda dar apoio na solidão e a todos os que se encontrem em situação de vulnerabilidade ou dependência, seja por idade, doença, incapacidade ou isolamento, ou a pessoas autónomas que desejem sentir-se mais seguras.

As candidaturas a este serviço podem ser feitas a partir de junho, sendo que a instalação do primeiro equipamento está prevista para o mês seguinte.

Na assinatura do acordo, nos Mosteiros, freguesia rural do concelho de Ponta Delgada, perante cerca de uma centena de idosos, o presidente da CVP, Luís Barbosa, considerou que a Teleassistência tem uma "enorme utilidade para quem pode precisar, de um momento para o outro, de uma ajuda".

Já o presidente do executivo regional, Vasco Cordeiro, assinalou que com este protocolo se cumpre uma proposta do programa do Governo, considerando que esta medida visa "proporcionar um maior nível de conforto, de segurança, de tranquilidade a cada um daqueles que utilize o serviço de Teleassistência".

Um estudo, realizado em 2015 pela Direcção Regional da Solidariedade Social, sobre utentes de apoio domiciliário, indica que "36% dos inquiridos viviam sozinhos, sendo que cerca de 20% necessitavam de apoio na higiene pessoal, tarefas de vida quotidiana e na mobilidade, e 24% encontravam-se totalmente dependentes para a satisfação de necessidades básicas".

 
Inscrições abertas para formação "Comportamentos Suicidários"
Sexta, 02 Junho 2017 15:07
formao suicidio     No âmbito da actividade do gabinete de Apoio Psicossocial da Cruz Vermelha Portuguesa, vai realizar-se a formação "Comportamentos Suicidários: Avaliação e Intervenção", no próximo dia 8 de julho, na Sede Nacional desta instituição, em Lisboa.
 
Esta formação é dirigida pela Professora Doutora Sara Santos, com o objectivo geral de dar aos formandos as competências necessárias para avaliar e intervir eficazmente no âmbito dos comportamentos suicidários.
 
Com a duração de 7 horas, destina-se a psicólogos, médicos, enfermeiros, assistentes sociais, profissionais de protecção civil, operacionais de emergência e socorro, e profissionais dos serviços de apoio à vítima.
 
 
O valor da formação é de 75€.
 
O número de vagas é limitado. A inscrição deve ser efectuada online (clique aqui) até ao dia 30 de junho de 2017 e 
só será validada após a nossa recepção do respectivo comprovativo de pagamento. 
Em caso de desistência, o valor de inscrição será devolvido na totalidade, caso seja comunicada via e-mail com, pelo menos, 7 dias de antecedência. Ultrapassando os 7 dias, o valor será cobrado em 70% do total da inscrição.
 
Para mais esclarecimentos, contactar:
Susana Gouveia, Gabinete Apoio Psicossocial, Cruz Vermelha Portuguesa
Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar
 
Resumo "Operação Fátima'17"
Quinta, 01 Junho 2017 14:29

ok fatima

Terminou no passado dia 14 de maio a “Operação Fátima’17 – Apoio em Fátima”.

De 10 a 14 de maio, a Cruz Vermelha Portuguesa integrou o Dispositivo Integrado de Operações de Proteção e Socorro (DIOPS) em Fátima para apoio à população residente e aos que se deslocaram a Fátima para assistirem às cerimónias religiosas, celebradas por sua Santidade o Papa Francisco.

O apoio prestado materializou-se em actividades de apoio médico, de enfermagem, de socorro, evacuação primária e secundária e apoio psicológico, com 2 Postos Médicos Avançados (Parque 10 e Rotunda Norte) e 1 Posto de Enfermagem (Rotunda Sul), 3 Psicólogas, 6 ambulâncias e 5 elementos de ligação ao Posto de Comando de Operações e ao Núcleo Técnico de Emergência Médica do INEM, totalizando 61 voluntários.

Nestes 4 dias, a Cruz Vermelha efectuou 698 assistências (destas, 15 tiveram também o apoio da Equipa Psicossocial de Intervenção em Crise) e cerca de uma dezena de evacuações hospitalares.

 
Land Rover oferece materiais de trabalho ao "Portugal +Feliz"
Sexta, 26 Maio 2017 13:54
 
A Land Rover doou materiais de trabalho ao programa “Portugal Mais Feliz” (PT+F), da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), de forma a ajudar a sua equipa no trabalho diário junto das famílias portuguesas, bem como a promover o projeto. Foi o ator Lourenço Ortigão, embaixador da Land Rover em Portugal que dá a cara pelo PT+F, que entregou mais de 350 peças como USBs, powerbanks, roll, sacos, mealheiros ou canetas.
 
Para Daniela Costa, coordenadora nacional do PT+F: “Estes materiais que a Land Rover nos ofereceu e que o Lourenço nos trouxe, como os mealheiros, os sacos ou as pens, vão ser ótimos para continuar o nosso trabalho junto com as famílias, o trabalho direto, mas também para nos ajudar a comunicar o que é o Portugal Mais Feliz, a sua missão e a sua identidade”.
 
O ator Lourenço Ortigão, na entrega dos materiais, comentou: “Este presente da Land Rover vai ajudar a que a equipa tenha mais ferramentas para o dia-a-dia e para promover o seu projeto junto dos portugueses, desafiando-os a contribuir para esta causa.” E acrescenta: “Para mim, apoiar este projeto foi importante para, antes de mais, aprender, saber o que se passa à minha volta. E também dar voz a este projeto e poder divulgá-lo cada vez mais”. 
 
ptfeliz lo merchandising      
Segundo Cristina Louro, vice-presidente da CVP, “A ajuda do Lourenço Ortigão a este nosso programa Portugal Mais Feliz foi preciosa porque termos uma figura pública à frente de um programa é sempre diferente do que dizermos só Portugal Mais Feliz!”
 
 
Já Luis Antonio Ruiz, presidente Jaguar Land Rover Ibéria, afirmou: “Estas ferramentas que oferecemos ao Portugal Mais Feliz servem para que o seu trabalho seja ainda mais eficaz e consigam passar os valores do programa, como o da poupança. Acreditamos que esta contribuição terá resultados práticos e verdadeiros no trabalho árdua desta equipa”.
 
O PT+F, apoiado desde 2014 pela Land Rover, ajuda grupos sociais mais vulneráveis, particularmente em situação de desemprego, para uma melhoria da sua qualidade de vida e da sua inclusão económica e social. Desde a atribuição do donativo da marca, a CVP conseguiu chegar a cerca de 1310 pessoas, num total de 534 famílias apoiadas. O impacto social criado pelo PT+F foi avaliado através do Valor Social agregado (SROI - Social Return on Investment), sendo que por cada 1€ investido são gerados 8,09€ de Valor Social.
 
Este programa está integrado no acordo internacional “Reaching Vulnerable People Around The World”, entre a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e a Land Rover, como parte da Estratégia Global de Responsabilidade Social Corporativa da marca.
 
«InícioAnterior123456789SeguinteFinal»

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL